Pastorais realizam Caravana das Águas em defesa do lago do Maicá

No dia 1° de maio, domingo, será dado um abraço simbólico ao lago que está ameaçado pelos projetos de construção de portos no local. A caravana sairá de barco do Terminal Turístico de Santarém até o lago do Maicá, com entidades que lutam em defesa do meio ambiente e pela preservação dos recursos naturais na Amazônia, envolvendo pescadores e pescadoras com seus barcos, bajaras e canoas para promover o ‘abraço’ ao lago. A caravana irá aportar no bairro Pérola do Maicá, onde vai acontecer o abraço, e às 11 horas haverá um ato em defesa do lago do Maicá na Igreja São Miguel Arcanjo, que fica no bairro.

Imprimir

O lago do Maicá vai receber um abraço simbólico

SANTARÉM –  Pela preservação do lago do Maicá em Santarém, oeste do estado, a Pastoral da Comunicação e a Pastoral Social da Diocese de Santarém realizam no domingo, 1º de maio, a 2ª Caravana das Águas de 8h às 12h. Neste dia será dado um abraço simbólico ao lago que está ameaçado pelos projetos de construção de portos no local.

Com a temática “Comunicação, Misericórdia e Meio Ambiente: o desafio de saber cuidar”, a caravana sairá de barco do Terminal Turístico de Santarém até o lago do Maicá, com entidades que lutam em defesa do meio ambiente e pela preservação dos recursos naturais na Amazônia, envolvendo pescadores e pescadoras com seus barcos, bajaras e canoas para promover o ‘abraço’ ao lago.

Outros irão por terra, de carro e ônibus ou em caminhada, de acordo com a realidade das comunidades mais próximas do entorno do lago.

A caravana irá aportar no bairro Pérola do Maicá, onde vai acontecer o abraço, e às 11 horas haverá um ato em defesa do lago do Maicá na Igreja São Miguel Arcanjo, que fica no bairro.

O assessor pedagógico da Pascom, Everaldo Cordeiro, ressaltou que a intenção é prestar apoio à população do entorno do lago e aos pescadores, que de lá, dependem para sobrevivência:

“A caravana é uma sintonia profunda com a mensagem do Papa Francisco sobre ‘Comunicação e misericórdia: um encontro fecundo’. Porque a fecundação da vida também vem pela terra, vem pelo meio ambiente, e a misericórdia no sentido de ir ao encontro, a defesa, ao cuidado dos rios, lagos, florestas e populações tradicionais que estão na região amazônica”.

“No dia, teremos uma fala profética, por meio da assessoria da Pastoral Social, com o padre Guillermo Grisales, que irá se pronunciar com relação à necessidade dos veículos de comunicação, e de todos os processos de comunicação das comunidades para estarem voltados para fazer a defesa da vida, que é a defesa do meio ambiente”, destacou o assessor pedagógico da Pascom.

Para a coordenadora da Pastoral Social, Valda Oliveira, a caravana será realizada em um momento oportuno:

“É um momento em que toda a sociedade santarena é convidada a conhecer esse espaço que a natureza nos proporcionou, que é tão bonito, e temos a obrigação de preservar. A Campanha da Fraternidade 2016, que trouxe o tema ‘Casa comum, nossa responsabilidade’, nos proporciona essa reflexão. O papa Francisco nos chama por meio de sua encíclica a cuidar do meio ambiente”.

Já foram confirmadas as presenças de representantes da Colônia de Pescadores Z-20, Pastorais Sociais da Diocese de Santarém, Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa), Escola São Raimundo Nonato e o Sistema Diocesano de Comunicação.

COMUNICAÇÃO A 16ª Semana Diocesana da Comunicação será realizada de 30 de abril a 8 de maio pela Pastoral da Comunicação da Diocese de Santarém. Este ano o evento destaca a temática “Comunicação e misericórdia: um encontro fecundo”.

Na programação haverá a abertura com um dia de Campo da Comunicação, caminhada e passagem pela Porta Santa do Jubileu da Misericórdia na Catedral de Nossa Senhora da Conceição; a II Conferência Amazônica de Educomunicação; Encontro de Comunicação com Movimentos Eclesiais; além de programas nas emissoras da Diocese. (Com informações da Pascom da Diocese de Santarém)

 

 

 

Leia também:
Estudante de Porto Trombetas vence…
Ministério da Saúde quer vacinar 120 mil…
Quilombolas de Oriximiná protestaram contra…
Incra esclarece sobre titulação de terras…
Quase metade das escolas indígenas não tem…
Wladimir Costa na ‘Galeria dos Hipócritas’
Saúde, educação e solidariedade em Juruti
Diocese realiza a 16ª Semana da Comunicação
Imprimir

Deixe um comentário

Current month ye@r day *