Jatene lamenta morte de Eduardo Campos

O governador do Estado do Pará, Simão Jatene, lamentou a morte do ex-governador de Pernambuco e candidato à Presidência do Brasil pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) Eduardo Henrique Accioly Campos. Em abril deste ano, Eduardo Campos esteve em Belém e foi recebido pelo governador Simão Jatene, que ouviu as ideias e os pensamentos dele sobre a política brasileira e os projetos de desenvolvimento para o Brasil. O Governo do Estado decretou três dias de luto oficial e orientou todas as Secretarias e Órgãos da Administração Direta e Indireta que mantenham as bandeiras a meio mastro durante esse período.

Imprimir

Em abril deste ano, Eduardo Campos esteve em Belém e foi recebido pelo governador Simão Jatene.

BELÉM – O governador do Estado do Pará, Simão Jatene, lamentou a morte do ex-governador de Pernambuco e candidato à Presidência do Brasil pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) Eduardo Henrique Accioly Campos.

Além de Campos, outras seis pessoas foram vítimas fatais de um acidente aéreo ocorrido na manhã desta quarta-feira (13), em Santos, no litoral de São Paulo. O Governo do Estado decretou três dias de luto oficial e orientou todas as Secretarias e Órgãos da Administração Direta e Indireta que mantenham as bandeiras a meio mastro durante esse período.

Em abril deste ano, Eduardo Campos esteve em Belém e foi recebido pelo governador Simão Jatene, que ouviu as ideias e os pensamentos dele sobre a política brasileira e os projetos de desenvolvimento para o Brasil.

“Tive a oportunidade de conversar e conhecer algumas das ideias inovadoras do homem público comprometido com a sua terra e sua gente. O país perde mais um daqueles homens de bem e do bem que, com entusiasmo e idealismo, lutava por uma nação mais justa”, disse Simão Jatene.

De acordo com informações da Agência Brasil, a aeronave que levava Eduardo Campos e outras seis pessoas, incluindo a tripulação e profissionais de comunicação de sua equipe de campanha, caiu por volta das 10 horas da manhã desta quarta-feira, em Santos, no litoral paulista, não deixando sobreviventes.

A Agência Brasil informa que, segundo o Comando da Aeronáutica, o Cessna 560XL, prefixo PR-AFA, decolou do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, com destino ao Aeroporto de Guarujá (SP). O avião estava com o certificado de aeronavegabilidade e a inspeção anual de manutenção em dia. Quando se preparava para pouso, a aeronave arremeteu devido ao mau tempo. Em seguida, o controle de tráfego aéreo perdeu contato com o avião. (Agência Pará)

 

 

Leia também:
Cientistas revelam sumiço do pirarucu
Avião não tripulado vai fiscalizar garimpos
Caminhões para região de Belo Monte
Abertas inscrições ao projeto ABC da Energia
Autorizada elaboração de estudos de ferrovias
Imprimir

Deixe um comentário

Current month ye@r day *