São Raimundo vence Cametá por 3 x 2 na estréia do Banparazão 2018

São Raimundo e Cametá fizeram uma partida movimentada e já no primeiro tempo o Pantera carimbou três gols no placar, com Jefferson Monte Alegre, Leonardo e Luis Carlos Imperador. O Cametá descontou no final com Rafael, em cobrança de pênalti. A vitória alvinegra foi um reencontro dos torcedores com o Colosso do Tapajós. O primeiro jogo do Banparazão no Colosso do Tapajós contou com um esquema especial de segurança. Nenhum incidente foi registrado e a partida transcorreu sem anormalidades.

Imprimir

Jogadores do São Raimundo comemoram gol contra o Cametá

SANTARÉM – Cerca de três mil pessoas foram ao estádio Colosso do Tapajós, ontem à tarde, para incentivar o único representante do município e da região oeste no Banparazão 2018. Dentro de campo, o time alvinegro fez a lição de casa e derrotou o Cametá por 3 a 2, na primeira rodada da competição.

São Raimundo e Cametá fizeram uma partida movimentada e já no primeiro tempo o Pantera carimbou três gols no placar, com Jefferson Monte Alegre, Leonardo e Luis Carlos Imperador. O Cametá descontou no final com Rafael, em cobrança de pênalti.

No segundo tempo, o São Raimundo diminuiu o ritmo e o Cametá tentou uma reação. Depois de  pressionar o adversário, o Mapará conseguiu marcar o segundo gol com João Manoel, de cabeça, aos 40 minutos. Mas o placar ficou nisso.

A vitória alvinegra foi um reencontro dos torcedores com o Colosso do Tapajós. O primeiro jogo do Banparazão no Colosso do Tapajós contou com um esquema especial  de segurança. Nenhum incidente foi registrado e a partida transcorreu sem anormalidades. A Polícia Militar levou um efetivo de 60 homens, que foram distribuídos nas áreas interna e externa do estádio, e também no meio da torcida.

“Participamos do planejamento do esquema de segurança para o jogo juntamente com os demais órgãos e, com base na média de público prevista, destacamos guarnições para fazer o controle no acesso dos torcedores e também na dispersão”, informou o tenente da PM, Lóris Figueira.

Um efetivo de 20 militares do Corpo de Bombeiros também atuou durante a partida, com o apoio de duas viaturas de incêndio e outra de resgate rápido.

“Distribuímos 14 militares entre o campo e os anéis superior e inferior e ainda deixamos três militares em cada viatura”, explicou o tenente BM, Luis Ferreira, responsável pelo efetivo da corporação no estádio. (Secom)

 

 

 

Leia também:
Prático e imediato de navio são indiciados por…
Registro de imóveis rurais no CAR é prorrogado
Jucá pode ajudar baratear e simplificar…
Grupo Buriti garante ter todas as licenças …
Comunidades do Arapiuns recebem apoio para…
Imprimir

Deixe um comentário

Current month ye@r day *