CBF define divisão de times na Série C

Os dois representastes do Estado do Pará na Série C 2019 integram um grupo de 13 times sediados do Norte/Nordeste do Brasil, em contraste com os sete que pertencem às demais divisões consideradas pela Confederação Brasileira de Futebol. Em termos estruturais, a organização será mantida, com dois grupos de dez times cada a se enfrentarem em dois turnos, mas a falta de equilíbrio zonal dita um problema na composição inicial do torneio.

Imprimir

Os dois representastes do Estado do Pará na Série C 2019 integram um grupo de 13 times sediados do Norte/Nordeste do Brasil

O Paysandu caiu ao terminar a Série B no 17º posto da tabela classificativa, ao passo que o Remo já estava lá. Os dois representastes do Estado do Pará na Série C 2019 integram um grupo de 13 times sediados do Norte/Nordeste do Brasil, em contraste com os sete que pertencem às demais divisões consideradas pela Confederação Brasileira de Futebol.

Em termos estruturais, a organização será mantida, com dois grupos de dez times cada a se enfrentarem em dois turnos, mas a falta de equilíbrio zonal dita um problema na composição inicial do torneio. Ora em 2018, por exemplo, existiam dez times do Norte/Nordeste de um dos lados e outros tantos do Sul/Sudeste/Centro Oeste do outro, facilitando uma divisão perfeita. Nesse momento, o caso é bem diferente.

Do lado da divisão Norte/Nordeste, estão ABC (RN), Atlético (AC), Botafogo (PB), Confiança (SE), Ferroviário (CE), Globo FC (RN), Imperatriz (MA), Náutico (PE), Paysandu (PA), Remo (PA), Sampaio Corrêa (MA), Santa Cruz (PE) E Treze (PB). Já na zona Sul/Sudeste/Centro Oeste, os emblemas são Boa Esporte (MG), Juventude (RS), Luverdense (MT), São José (RS), Tombense (MG), Volta Redonda (RJ) e Ypiranga (RS). A atual situação se verifica em virtude das promoções/relegações da edição do último ano que veio desequilibrar a situação por regiões.

A CBF levou alguns meses para resolver uma questão que até poderia ser simples, dado que bastaria agrupar os times geograficamente mais próximos independentemente da região, mas os responsáveis pela organização da competição perceberam que essa não é a melhor forma de evitar viagens longas, por conta da ausência de conexões aéreas entre alguns locais. Os dois agrupamentos já estão definidos, e os encontros terão odds disponíveis na secção apostas futebol Betfair.

Assim sendo, no grupo A, vão estar ABC, Botafogo-PB, Confiança, Ferroviário-CE, Globo-RN, Imperatriz-MA, Naútico, Sampaio Corrêa, Santa Cruz e Treze. Já do grupo B, vão participar Atlético-AC, Boa Esporte-MG, Juventude, Luverdense-MT, Paysandu, Remo, São Jose-RS, Tombense-MG, Volta Redonda e Yipiranga-RS. Os quatro primeiros de cada grupo vão passar para as quartas, enquanto os dois últimos dos grupos A e B vão cair para a Série D.

Paysandu e Remo em 2018

 

Cinco anos depois, o centenário "Papão" volta a estar no terceiro escalão do futebol brasileiro e quer retornar à elite o quanto antes.

O Paysandu, novo representante do Estado do Pará na divisão, caiu para a Série C ao terminar no 17º lugar da tabela classificativa, acompanhado na relegação por Sampaio Corrêa, Juventude e Boa Esporte. Cinco anos depois, o centenário “Papão” volta a estar no terceiro escalão do futebol brasileiro e quer retornar à elite o quanto antes.

O Remo, por sua vez, assegurou a permanência no terceiro escalão brasileiro ao terminar sua participação no sexto posto do grupo A com 22 pontos conquistados em 18 jogos disputados.

 

 

 

 

Leia também:
Floresta Amazônica: porque e como salvá-la
Brasil recebe a Copa América em 2019, mas…
Coração silencia a voz de Ray Brito
Imprimir

Deixe um comentário

Current month ye@r day *