Santarém de luto com mortes de ex-vereador Marcílio Cunha, de Ciro Lima e Elinaldo Xavier

O ex-vereador Marcílio Cunha, o empresário Ciro Saraiva Lima, faleceram ontem, o primeiro em São Paulo, onde lutava contra um câncer, o segundo vítima de ataque cardíaco, Elinaldo Kzan Xavier faleceu hoje em Macapá, onde residia, vítima de acidente automobilístico. Todos filhos de tradicionais famílias da cidade, onde construíram suas trajetórias política e empresariais, deixando legados à seus familiares e a toda a sociedade santarena.

Imprimir

Marcílio Machado Cunha, faleceu em São Paulo.

SANTARÉM – A cidade de Santarém amanheceu de luto, hoje, com a morte do ex-vereador Marcílio Machado da Cunha (PMN) e dos empresários Ciro Saraiva Lima e Elinaldo Kzan Xavier, este último vítima de acidente automobilístico na cidade de Macapá, onde morava.

O ex-vereador Marcílio Cunha durante o período em que exerceu o mandato parlamentar, teve participação decisiva, madura e profícua em diversos projetos de lei, que hoje servem de base para o desenvolvimento do Município de Santarém, tais como a lei sobre o uso e parcelamento do solo, o Código de Postura e Código de Obras do Município de Santarém.

Como projetos de sua autoria, destacam-se o que dispõe sobre a preservação do patrimônio cultural e natural do município de Santarém, cria o Conselho Municipal do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural e institui o Fundo Municipal de Proteção do Patrimônio Cultural (Lei 19.661/2014), assim como o projeto que cria a Política Municipal de Conscientização e Orientação sobre a Artrite Reumatóide.

Marcílio faleceu ontem, dia 7, em São Paulo. Santareno de 56 anos, lutava contra um câncer. O velório do parlamentar será no plenário da Câmara Municipal de Santarém. Data e hora do sepultamento, segundo o Reginaldo Campos (PSC), presidente da Casa, ainda não foram definidos.

Marcílio Machado da Cunha obteve 1.119 votos na eleição de 2012. Estava filiado ao PMN.

Ciro Lima faleceu vítima de enfarto

CIRO LIMA O empresário Ciro Saraiva Lima, faleceu na tarde de quinta, dia 7, em Santarém, depois de um enfarto fulminante.

Ciro Lima foi pioneiro no ramo industrial do café em Santarém e, como empreendedor, se destacou no meio da classe empresarial, sendo também lutador pela criação do Estado do Tapajós.

Além de contribuir para o desenvolvimento econômico e social do município, Ciro Lima deixa exemplo de uma vida dedicada à família e à sociedade, com honradez e retidão em suas atitudes.

Era sogro da ex-prefeita santarena Maria do Carmo Martins Lima, casada com seu filho Celso Lima.

Elinaldo Kzan Xavier faleceu vítima de acidente automobilístico

ELINALDO XAVIER  Elinaldo Kzan Xavier, santareno, 56 anos, de tradicional família na cidade, filho de Pedro e Hanako Kzan Xavier era empresário da noite em Macapá, onde residia há anos. Ele morreu hoje naquela cidade. Não resistiu aos ferimentos que sofreu em acidente automobilístico. Morreu no hospital por volta das 12h30 de hoje, dia 8. O carro em que ele estava colidiu com outro na BR-210 no Amapá. Outras 3 pessoas morreram no acidente.

Antes de ir para Macapá, Elinaldo Xavier trabalhou em várias empresas santarenos, entre elas foi diretor administrativo no antigo jornal O Tapajós, do empresário Joaquim da Costa Pereira. O velório e o sepultamento do empresário ainda não foi decidido pela família. (Com informações da Ascom da Câmara Municipal e do Blog do Jeso)

 

 

 

Leia também:
Governo do Pará expõe à diretoria da Aneel…
Governo vai estudar regionalização de…
MP’s recomendam regularizar exploração…
Estudante da Ufopa recebe prêmio em…
Adepará encerra inquérito da brucelose…
São Braz promove festival do tacacá
Imprimir

Deixe um comentário

Current month ye@r day *