Imetropará promove capacitação para taxistas

O objetivo da ação é capacitar os participantes, para a emissão da Guia de Recolhimento da União (GRU), no Portal de Serviço do Inmetro nos Estados (PSIE). Por meio do sistema online, proprietários de táxis de Santarém poderão solicitar agendamento para a realização da verificação metrológica dos taxímetros, que avalia se o equipamento está cobrando o valor correto por corrida, em função da distância percorrida e do tempo decorrido. Segundo o Sindicato dos Taxistas de Santarém (Sintsan), existem atualmente 652 taxistas legalizados no município.

Imprimir

A capacitação dos taxistas na sede do Imetropará

SANTARÉM – O Instituto de Metrologia do Estado do Pará (Imetropará) promove hoje e amanhã, dias 13 e 14, das 8h às 12h, um curso de capacitação para taxistas nesta cidade. A atividade será ofertada na sede do Instituto Regional de Metrologia do município, localizado na travessa Silvia Jardim, n° 320, bairro da Aldeia.

O objetivo da ação é capacitar os participantes, para a emissão da Guia de Recolhimento da União (GRU), no Portal de Serviço do Inmetro nos Estados (PSIE).

Por meio do sistema online, proprietários de táxis de Santarém poderão solicitar agendamento para a realização da verificação metrológica dos taxímetros, que avalia se o equipamento está cobrando o valor correto por corrida, em função da distância percorrida e do tempo decorrido.

Segundo o Sindicato dos Taxistas de Santarém (Sintsan), existem atualmente 652 taxistas legalizados no município. Durante os dois dias de treinamento, os profissionais serão capacitados pelo gerente de Tecnologia da Informação do Imetropará, Edilson Júnior.

“Determinado pelo Inmetro, esse novo serviço busca facilitar os procedimentos de avaliação metrológica dos taxímetros, garatindo tempo e praticidade aos proprietários de veículos de praça, que só podem trabalhar se tiverem certificado de avaliação aprovado pelo instituto, comprovando que o condutor está apto a oferecer seus serviços à população”, alerta o gerente.

Após o treinamento, os taxistas poderão começar a agendar a emissão do GRU, no Portal de Serviços do Inmetro, para marcar a data de verificação metrológica dos taxímetros. As fiscalizações de avaliação estão previstas para o período de 04 a 29 de maio.

A aferição do taxímetro é obrigatória, e as empresas ou taxistas que deixarem de fazer o procedimento estão sujeitos a multas que variam de R$ 100 a R$ 1,5 milhão – valor que pode dobrar em caso de reincidência. Quem for autuado tem o prazo de dez dias para apresentar defesa ao órgão. Os veículos inspecionados recebem um lacre amarelo, que impede o acesso à regulagem do aparelho, e o selo do Inmetro. (Com informações da Secom)

 

 

Leia também:
Espionagem superada, Dilma vai aos EUA
Dilma anuncia parceria com o Facebook
Estado garante pagamento do piso já em abril
Escolas públicas incentivam ensino de Física
Missionário e castanheiro acusados de explorar…
Imprimir

Deixe um comentário

Current month ye@r day *